sexta-feira , fevereiro 22 2019
Home / Sistema elétrico / Sistema elétrico da Honda

Sistema elétrico da Honda

O sistema elétrico da Honda é considerado um dos mais completos e funcionais do mercado. É importante entender como os carros funcionam nesse quesito, pois, essa é uma parte mecânica que causa muitas dúvidas.

Alguns sistemas elétricos atuais são realmente muito complexos, e podem demandar muita atenção na hora da manutenção. A Honda é uma marca de origem japonesa que está no mercado automotivo há décadas.

O grande reconhecimento da marca surgiu com a fabricação de suas motocicletas, mas os automóveis também caíram no gosto do consumidor. No Brasil, as atividades da empresa começaram apenas na década de 70.

Nessa década foi instalada a primeira filial no país. Hoje a Honda exporta veículos para o mundo inteiro. Por isso você deve saber mais sobre o sistema elétrico da Honda.

Saiba mais sobre o Sistema elétrico da Honda

A marca Honda ficou conhecida por sua grane qualidade. Quem compra um veículo desses quer segurança e confiabilidade. Vamos explicar um pouco dos sinais que o carro dá sobre uma falha no sistema elétrico.

Tanto em seus carros quando nas motocicletas, os veículos Honda possuem um eficiente sistema de injeção eletrônica que atua com multiponto programado PGM-FI (Programmed Fuel Injection).

Essa injeção atua em conjunto com o controle do motor ECM (Engine Control Module), e é um dos sistemas mais eficientes e responsáveis pela garante longevidade aos propulsores Honda.

Em 2015, a empresa anunciou uma novidade para essa parte do carro, ao incluir o sistema de partida a frio que dispensa o reservatório auxiliar de gasolina.

Veja os sinais identificáveis sobre alguns problemas elétricos

Na maioria das vezes, os carros dão sinais claros de que alguma coisa está errada em seu sistema elétrico da Honda. No caso de um Honda Accord, por exemplo, podemos citar os seguintes:

  • Luz do alternador:

Se essa luz não é acionada quando você girar a chave do carro, pode ter ocorrido algum problema no fusível, e vale a pena conferir. Identificar esses pequenos problemas com antecedência é uma forma de corrigi-los logo.

  • Motor:

Lembre-se sempre que o motor de arranque é o componente elétrico mais importante, e também o maior de um carro Honda mais recente. Deve-se sempre observar se existem problemas nos existir nas conexões, solenóide ou interruptor de chave.

  • Luz do porta-luvas:

Alguns carros mais antigos acabam tendo o problema de a luz do porta-luvas permanecer ligada mesmo depois, que o carro é desligado. Nesse caso o maior problema é que essa luz pode drenar a energia da bateria.

Entender o sistema elétrico é fundamental – então estude!

Quem deseja entrar para o universo da mecânica, é fundamental que estude bastante e entenda muito sobre o funcionamento do sistema elétrico da Honda e das demais marcas.

Indicamos que você acesse o site da Mecânica 2000 e adquira as apostilas sensacionais que são disponibilizadas. Os conteúdos são claros e objetivos, e ajudam você a entender perfeitamente o funcionamento de um carro.

Assim você já terá conhecimento para começar a manusear e corrigir falhas elétricas básicas que podem acontecer no sistema elétrico da Honda ou de qualquer outro carro.

Esses carros são desenvolvidos com a mais alta tecnologia. Mas todas as montadoras se preocupam em usar sistemas cada vez mais funcionais, e também menos complicados.

Não necessariamente um sistema elétrico bem estruturado é complicado de mexer. Basta estudar e ter o conhecimento necessário para acessá-lo de forma correta.

Agora que você já sabe tudo sobre sistema elétrico da Honda, leia nosso artigo sobre o sistema elétrico Toyota, e aumenta ainda mais o seu conhecimento nessa área.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Sobre Admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *